Brasão

 


Bandeira

HINO À JARDIM OLINDA
(Autor: Luiz Wanderlei Balancieri)

I

Falar de ti me envaidece;
Orgulho que nunca finda.
Ser teu filho me enobrece
Meu berço, Jardim Olinda.
Liberto como a cascata
E requintado em primor
O seu progresso retrata
Do povo ordeiro o labor.

REFRÃO

Jardim Olinda, Jardim Olinda
Exemplo de nação
Eternamente habita
Em nosso coração

II

Num tom de verde-esmeralda,
Seus campos cheios de vida
Por flores tão perfumadas
São suas várzeas coloridas
Teu sol a brilhar, garboso!
Teu luar tanta pureza
É s o filho venturoso
Da sábia mãe natureza


REFRÃO

Jardim Olinda, Jardim Olinda
Exemplo de nação
Eternamente habita
Em nosso coração

III

Dos rios: Paranapanema
E Pirapó num cariciar
Á guas puras e serenas
Suas terras a banhar
Das aves, a sinfonia,
Faz suas manhãs tão belas
Seu por do sol irradia
Em fascinante aquarela

REFRÃO

Jardim Olinda, Jardim Olinda
Exemplo de nação
Eternamente habita
Em nosso coração

IV

Seu ar puro que me afaga
É causa do meu apego
Com certeza em outras plagas
Não terei mesmo aconchego
Sob um céu de azul intenso
Meu mundo, meu doce lar!
Por ti esse ardor intenso
Para sempre irei te amar.


REFRÃO

Jardim Olinda, Jardim Olinda
Exemplo de nação
Eternamente habita
Em nosso coração